25 de agosto de 2010

A vida sem ti não existe...



Sou o sol que irradia raios luminosos
Sou o ar que enche diariamente o mundo de vida
Sou a verdade por dentre todas as mentiras
Sou único e soberano...

Estou em tudo e em todos,
Estou nos lugares mais próximos e/ou mais longínquos
Sou o ponto de equilíbrio entre o BEM e o mal
Sou as plantas que respiram o meu amor...

Sou o cosmo, o sim, o não e nunca o talvez
A plenitude do querer e do poder
O saber, o sorrir e o chorar, o querer
Sou a vida, sou a morte e sou a verdade

Sou fruto da existência dos seres,
Sou tudo e apenas o que você precisa na vida
Estou na sua essência e querendo você...
Mas não sei... se estás em mim...

Te quero, te amo, te desejo...
De forma simples, e perspicaz
Te quero para mim, te amo como um pai
Te desejo em mim... na minha essência

Sou teu Pai, tua Mãe e teu Filho...
Sou seu ar, sua sede e sua água
Sou a terra que pisas e sentes...
Sou o ser Supremo da Sabedoria

Chama-me de Pai, de DEUS...
Chama-me do que quiser, pois assim serás
Chama-me... sempre e como quiser
Chama-me de Amigo!

5 comentários:

Wanderley Elian Lima disse...

E esse é sem dúvida, o melhor e maior amigo que temos.
Abração

Tan Carvalho disse...

Parabéns pelo poema!!!...Adorei

Kátia disse...

Olá!1
Obrigada pela visita no meu blog.
Gostei do seu tb. Já estou lhe seguindo.
Um ótimo fim de semana!!

Diogo Didier disse...

Deus é relamente a única entidade suprema que nos guia para o caminho da paz, do amor, da vida eterna...

Parabens pelo sublime post!

Abraços...

Ellen Ribeiro*-* disse...

olá...td bem com vc?
adorei o seu blog...vou te visitar sempre..bjinhoss!